HORA DO PLANETA



E um ato que Simboliza a luta por um mundo mais sustentável.

Para vc pode não simbolizar nada apagar as luzes por 60 minutos.

Mas para o planeta e para o futuro de Mtas criança isso vale mto e como vale.

Ajude vc Tb a fazer um mundo melhor para seus filhos e netos.

Ajude divulgando e fazendo a sua parte.

Ajude Hj um mundo que ajudou vc no passado a ter grandes sonhos e poder realiza los Hj.

Faça Hj um presente melhor para que possamos pensar em um futuro sustentável.

Juntos por um mundo melhor AGORA!!!

Decoração e reciclagem: Idéias com velas

Idéia 1 - Se vc tem velas brancas e sem graça e quer dar um ar romântico à elas, recorte e cole corações de papel de seda. Ficam lindas.
Idéia 2 - Pauzinhos de canela em volta da vela amarrados com fita de cetim.
Idéia 3 - Uma opção para uma decoração de ultima hora: copos ou vasinhos trasparentes, água, flor artificial e velas pequenas flutuantes.

Essa arte não é minha. Achei na internet.


FANTOCHES






ESPECIALMENTE PARA A A MINHA AMIGA
RENATA
ESPERO QUE GOSTE!

Você vai precisar de garrafas Pet,bolinhas de isopor,TNT e criatividade!!!Obaaaaaaa
Peguei essa idéia no blog da Igreja Universal!!!Genialllllllllllllllllllll!!Vale a pena fazer!!!


As crianças vão amar,vc pode usar nas Histórinhas!!!!

A LIÇÃO DO MÁRMORE

No museu de fama internacional, o piso totalmente coberto por belíssimos azulejos de mármore recebia as visitas todas os dias, especialmente para admirarem uma estátua, toda em mármore, enorme, exibida no meio do salão de entrada.

Pessoas do mundo inteiro vinham admirá-la. Os mais entendidos se detinham a observar a perfeição dos seus traços. Os românticos falavam da suavidade das linhas, mas todos, sem exceção, elogiavam a sua beleza.


Certa noite, os pisos de mármore começaram a falar e reclamar com a estátua:

Estátua, isto não está certo. Absolutamente, não! As pessoas vêm, pisam e pisam em nós só para admirar você. Ninguém olha para nós e muito menos se dá conta de que também temos a nossa beleza. Isto não é justo.

Meu querido amigo, piso de mármore, você ainda se lembra de quando eu e você estávamos na mesma caverna? Perguntou a estátua.

Sim! É por isso que eu acho tudo muito injusto. Nós nascemos da mesma caverna e agora recebemos tratamento tão diferente. Não é justo! - chorou novamente o piso.

A estátua continuou a explicar:
Então, você ainda se lembra do dia em que o artista tentou trabalhar em você, mas você resistiu bravamente às ferramentas?

Sim, claro que me lembro. Odiei aquele sujeito! Como pôde ele usar aquelas ferramentas em mim? Doeu demais!

Isso é certo! Ele não pôde trabalhar nada em você, porque você resistiu à sua ação.
Quando ele desistiu de você, veio para mim. Eu era um bloco de mármore sem forma.
Em vez de resistir como você, imediatamente soube que ele me tornaria algo diferente. Não resisti. Agüentei todas as ferramentas dolorosas que ele usou em mim.
O piso resmungou alguma coisa e a estátua concluiu:

Meu amigo, há um preço para tudo na vida. Nem sempre é fácil. Às vezes é muito difícil e doloroso. Mas temos que aprender e suportar os sofrimentos, procurando crescer e aprender para nos transformar em algo mais belo.

A ARTE É PARA TODOS

O homem que veio do sol, de Fábio Balen.


Um dia, um menino me perguntou por que a arte é só para gente grande.
Segurei em sua mão e fomos caminhando até chegar em uma exposição de arte.
Ao entrar na sala, deixei-o livre para observar todas as obras.
No final, virei-lhe e disse:
- Gostou das pinturas, pequeno príncipe?
- Sim, gostei muito.
- Então não se esqueça: existem artistas que jamais deixarão de ser criança.
E o menino, então, pulou de alegria no salão.

A mais Bela Flor


O bosque estava quase deserto quando o homem se sentou para ler, debaixo dos longos ramos de um velho carvalho.

Estava desiludido da vida, com boas razões para chorar, pois o mundo estava tentando afundá-lo.

E, como se já não tivesse razões suficientes para arruinar o seu dia, um garoto chegou, ofegante, cansado de brincar.

Parou na sua frente, de cabeça baixa e disse, cheio de alegria:

Veja o que encontrei!

O homem olhou desanimado e percebeu que na sua mão havia uma flor.

Que visão lamentável! Pensou consigo mesmo.

A flor tinha as pétalas caídas, folhas murchas, e certamente nenhum perfume.

Querendo ver-se livre do garoto e de sua flor, o homem desiludido fingiu pálido sorriso e se virou para o outro lado.

Mas, ao invés de recuar, o garoto sentou-se ao seu lado, levou a flor ao nariz e declarou com estranha surpresa:

O cheiro é ótimo, e é bonita também...

Por isso a peguei. Toma! É sua.

A flor estava morta ou morrendo, nada de cores vibrantes como laranja, amarelo ou vermelho, mas ele sabia que tinha que pegá-la, ou o menino jamais sairia dali.

Então estendeu a mão para pegá-la e disse, um tanto contrafeito:

Era o que eu precisava.

Mas, ao invés de colocá-la na mão do homem, ele a segurou no ar, sem qualquer razão.

E, naquela hora, o homem notou, pela primeira vez, que o garoto era cego e que não podia ver o que tinha nas mãos.

A voz lhe sumiu na garganta por alguns instantes...

Lágrimas quentes rolaram do seu rosto enquanto ele agradecia, emocionado, por receber a melhor flor daquele jardim.

O garoto saiu saltitando, feliz, cheirando outra flor que tinha na mão, e sumiu no amplo jardim, em meio ao arvoredo.

Certamente iria consolar outros corações que, embora tenham a visão física, estão cegos para os verdadeiros valores da vida.

Agora o homem já não se sentia mais desanimado e os pensamentos lhe passavam na mente com serenidade.

Perguntava-se como é que aquele garoto cego poderia ter percebido sua tristeza a ponto de aproximar-se com uma flor para lhe oferecer.

Concluiu que talvez a sua autopiedade o tivesse impedido de ver a natureza que cantava ao seu redor, dando notícias de esperança e paz, alegria e perfume...

E como Deus é misericordioso, permitiu que um garoto, privado da visão física, o despertasse daquele estado depressivo.

E o homem, finalmente, conseguira ver, através dos olhos de uma criança cega, que o problema não era o mundo, mas ele mesmo.

E, ainda mergulhado em profundas reflexões, levou aquela feia flor ao nariz e sentiu a fragrância de uma rosa...

POR QUE ESPIRRO?

Espirro ou esternutação é uma forma do corpo expulsar o dioxido de carbonoem excesso, sob a forma de particulas liquidas (perdigotos). O espirro é geralmente um acontecimento ruidoso, mal cheiroso, e torna-se particularmente desagradavel quando a pessoa que espirra nao põe a mao à frente. O espirro é uma expulsão de ar, convulsiva e semi-autônoma, do nariz e boca. Algumas doenças podem ser transmitidas pelo espirro que espalha até 40.000 gotículas infecciosas cujo diamêtro varia de 0.5 a 5 µm.

Causa

O espirro geralmente é causado por irritação e às vezes por bloqueio bacteriano na garganta, pulmões ou nas passagens do nariz. Para espirrar de proposito, recomendamos que faça cocegas com uma pena no nariz. Substâncias que causam alergia como pólen, pêlos de animais, poeiras, assim como outras partículas que não causam alergia são geralmente inofensivas, mas quando irritam o nariz, o corpo responde ao expirá-las das passagens nasais.

Resposta de fechamento da pálpebra

Geralmente é considerado impossível alguém manter as pálpebras abertas durante um espirro. O reflexo de fechar os olhos é devido a uma proposta não óbvia: os nervos que servem os olhos e nariz estão próximos e relacionados, e o estímulo a um deles geralmente estimula alguma resposta no outro. Entretanto o fechamento dos olhos pode proteger os ductos lacrimais e vasos sanguíneos das bactérias expelidas no espirro.

Em outros idiomas

Em Árabe é “عطسة”
Em Búlgaro é “апчих”
Em Espanhol é “atchís” e “atchús”
Em Dinamarquês é “atjuu”
Em Neerlandês é “hatsjoe” e “hatsjie”
Em Francês é “atchoum”
Em Alemão é “hatschi”
Em Hebreu é “apchee”
Em Hindi é “chheenk”.
Em Indonésio é “‘hatchi’”
Em Japonês é “hakushon” ou “kushami”. Escrito como はくしょん ou 嚏(くしゃみ).
Em Chinês é “penti” (喷嚏)
Em Cantonês é “hut-chi” (乞嚏)
Em Letão é “apčī”,
Em Marata é “shheenka”.
Em Polaco é “apsik”
Em Esloveno é “kihanje”.
Em Turco é “hapşuu”
Em Romeno é “hapciu”
Em Norueguês é “atsjo”
Em Tagalo é “hatsing”
Em Tailandês é “Hutchew ou Hutchei” (ฮัดชิ่ว or ฮัดเช่ย)
Em Tâmil é “Thummal”.
Em Telugu é “Thummu”.
Em Islandês é “Atsjú”

Jardineira feita de Garrafa Pet

Jardineira feita de Garrafa Pet




























































Vamos Reciclar!

IDÉIAS SUPER LEGAIS

;;