Dia Nacional da Gentileza

A PEDRA


O distraído nela tropeçou…
O bruto a usou como projétil.
O empreendedor, usando-a, construiu.
O camponês, cansado da lida, dela fez assento.
Para meninos, foi brinquedo.
Drummond a poetizou. Já, Davi, matou Golias, e Michelangelo extraiu-lhe a mais bela escultura…
E em todos esses casos, a diferença não esteve na pedra, mas no homem! Não existe “pedra” no seu caminho que você não possa aproveitá-la para o seu próprio crescimento. Independente do tamanho das pedras, no decorrer de sua vida. não existirá uma, que você não possa aproveitá-la para seu crescimento espiritual. Quando a sua pedra atual, tenho certeza que Deus irá te dar sabedoria, para mais tarde você olhar para ela, e ter orgulho da maravilhosa experiência que causou em sua vida, no seu crescimento espiritual.
Autor: Antonio Pereira (Apon)

Fonte: Força Jovem Pará http://grupojovempara.com/site/?p=4832#ixzz1wD9IFYts

ORAÇÃO BELÍSSIMA!!


Oração belíssima!!


Oração Lakota 


Ensina-me a confiar
em meu coração,
em minha mente,
em minha intuição,
na minha sabedoria interna, nos sentidos do meu corpo, nas benções de meu espírito. Ensina-me a confiar nisso tudo, para que eu possa entrar no meu Espaço Sagrado e amar além de meu medo. E dessa forma Caminhar em Equilíbrio a cada passo do glorioso Avô Sol

História das Flores.


Uma História de Flores








Um homem trabalhava em uma fábrica distante cinqüenta minutos de ônibus da sua casa. No ponto seguinte entrava uma senhora idosa que sempre sentava-se junto à janela. Ela abria a bolsa, tirava um pacotinho e passava a viagem toda jogando alguma coisa para fora. A cena sempre se repetia e um dia, curioso, o homem lhe perguntou o que jogava pela janela.
- Jogo sementes, respondeu ela.
- Sementes? Sementes de que?
- De flores. É que eu olho para fora e a estrada é tão vazia... Gostaria de poder viajar vendo flores coloridas por todo o caminho. Imagine como seria bom!
- Mas as sementes caem no asfalto, são esmagadas pelos pneus dos carros, devoradas pelos passarinhos... A senhora acha mesmo que estas sementes vão germinar na beira da estrada?
- Acho, meu filho. Mesmo que muitas se percam, algumas acabam caindo na terra e com o tempo vão brotar.
- Mesmo assim... Demoram para crescer, precisam de água...
- Ah, eu faço a minha parte. Sempre há dias de chuva. E se alguém jogar as sementes, as flores nascerão.
Dizendo isso, virou-se para a janela aberta e recomeçou seu trabalho. O homem desceu logo adiante, achando que a senhora já estava senil.
Algum tempo depois, um dia, no mesmo ônibus, o homem ao olhar para fora percebeu flores na beira da estrada... Muitas flores... A paisagem colorida, perfumada e linda! Lembrou-se então daquela senhora. Procurou-a em vão. Perguntou ao cobrador, que conhecia todos os usuários no percurso.
- A velhinha das sementes? Pois é... Morreu há quase um mês.
O homem voltou para o seu lugar e continuou olhando a paisagem florida pela janela. "Quem diria, as flores brotaram mesmo", pensou! "Mas de que adiantou o trabalho dela? Morreu e não pode ver esta beleza toda".
Nesse instante, ouviu risos de criança. No banco à frente, uma garotinha apontava pela janela, entusiasmada:
- Olha, que lindo! Quantas flores pela estrada... Como se chamam aquelas flores?
Então, entendeu o que aquela senhora havia feito. Mesmo não estando ali para ver,fez a sua parte, deixou a sua marca, a beleza para a contemplação e a felicidade das pessoas.
No dia seguinte, o homem entrou no ônibus, sentou-se junto à janela e tirou um pacotinho de sementes do bolso... E assim, deu continuidade à vida, semeando o amor, a amizade, o entusiasmo e a alegria. O futuro depende das nossas ações no presente. "E se semeamos boas sementes, os frutos serão igualmente bons." Vamos semear nossas sementes agora!
(Autor Desconhecido)















VAMOS PINTAR!!!!


Como pintar flores com uma garrafa P.E.T.

Como-pintar-flores-com-uma-garrafa-P.E.T.-1.jpg
Se você está procurando um artesanato que possa fazer com as crianças e que fique bem bonito, com certeza você irá adorar ver como pintar flores com uma garrafa P.E.T. Esta é uma ideia bem simples de ser executada, e prometo que as flores irão ficar lindas.
Esta é uma dica bem legal para as professoras e todas aquelas pessoas que trabalhem com crianças e que procurem novas atividades para realizar. Espero que vocês gostem da ideia e que possam fazer em casa.

Materiais:

  • 1 garrafa P.E.T.
  • Tinta para pintar as flores
  • Tinta preta ou marrom
  • 1 pires
  • 1 pincel
  • Cartolina

Passo a passo: AQUI

SER MÃE





Ser mãe é participar do milagre da Vida
Uma cena da novela Amor Eterno Amor mostra um diálogo, no plano extrafísico, vinculado à Terra, entre o mentor espiritual Lexor e a recém-desencarnada Verbena, que continua com os mesmos cuidados maternos com o filho Rodrigo que continua encarnado.

Entre outras preciosidades, extraio uma mensagem que dedico a todas as mulheres mães, inclusive àquelas que sentem a dor da separação física pela partida de um filho querido, bem como àquelas que estão desencarnadas e são lembradas pelos que aqui continuam na lida terrena:

“As pessoas precisam reconhecer a grandeza do milagre que cada uma delas é – o milagre da Vida, a Vida de Deus que flui sobre os corpos, os corações e a mente. É o amor de Deus que nos leva a fazer o bem, é a energia de Deus que nos move. Este é o verdadeiro milagre.

Esta mensagem é de Maria, mãe como você e de todas as outras mães que amam seus filhos, naturais ou não. Vocês, as escolhidas de Deus“.




PAZ PELA PAZ

MÁRIO QUINTANA

cinema ao ar livre!!!!

SONHANDO COM O FINAL DE SEMANA!!!!!!!
UM FIM DE SEMANA COM ARTE PARA VOCÊS!!!


Casa Arrumada - Carlos Drummond de Andrade 



Casa arrumada é assim:

Um lugar organizado, limpo, com espaço livre pra circulação e uma boa entrada de luz.

Mas casa, pra mim, tem que ser casa e não um centro cirúrgico, um cenário de novela.

Tem gente que gasta muito tempo limpando, esterilizando, ajeitando os móveis, afofando as almofadas...

Não, eu prefiro viver numa casa onde eu bato o olho e percebo logo: Aqui tem vida...

Casa com vida, pra mim, é aquela em que os livros saem das prateleiras e os enfeites brincam de trocar de lugar.

Casa com vida tem fogão gasto pelo uso, pelo abuso das refeições fartas, que chamam todo mundo pra mesa da cozinha.

 Sofá sem mancha? Tapete sem fio puxado? Mesa sem marca de copo? Tá na cara que é casa sem festa.

E se o piso não tem arranhão, é porque ali ninguém dança.

Casa com vida, pra mim, tem banheiro com vapor perfumado no meio da tarde.

Tem gaveta de entulho, daquelas que a gente guarda barbante, passaporte e vela de aniversário, tudo junto...

Casa com vida é aquela em que a gente entra e se sente bem-vinda.

A que está sempre pronta pros amigos, filhos, pros netos, pros vizinhos...

E nos quartos, se possível, tem lençóis revirados por gente que brinca ou namora a qualquer hora do dia.

Casa com vida é aquela que a gente arruma pra ficar com a cara da gente.

Arrume a sua casa todos os dias...

Mas arrume de um jeito que lhe sobre tempo pra viver nela... E reconhecer nela o seu lugar.

O que levar na sua mala?


O CAMINHO DA VIDA - O que levar na sua mala?



Quando sua vida começa, você tem apenas uma mala pequenina na mão...  

À medida em que os anos vão passando, a bagagem vai aumentando. Existem muitas coisas que você recolhe pelo caminho por pensar que tudo é importante.

A um determinado ponto do caminho começa a ficar insuportável carregar tantas coisas. A mala fica pesada demais...

Então você pode escolher:

Ficar sentado à beira do caminho, esperando que alguém o ajude, o que é difícil, pois todos que passarem por ali já terão sua própria bagagem.

Ou você pode aliviar o peso, esvaziando a mala. Mas o que tirar?

Você começa tirando tudo para fora, e vendo o que tem dentro...

Amizade... Amor... Amizade... Amor... Amor... Amizade...

Nossa! Tem bastante, e curioso... Não pesa nada!

Mas tem algo pesado... Você faz muita força para tirar e vê que...

É a raiva... nossa, como ela pesa.

Ai você começa a tirar mais coisas, e aparecem a incompreensão, o medo, o pessimismo... Nesse momento, o desânimo quase te leva para dentro da mala... Mas você puxa-o para fora com toda a força, e aparece um sorriso, que estava sufocada no fundo de sua bagagem...

 Pula para fora outro sorriso e mais outro, até sair a felicidade...

 Você coloca as mãos dentro da mala de novo e tira pra fora a tristeza...

Agora, você vai ter que procurar a paciência dentro da mala, pois você vai precisar bastante...

Procure então o resto: força, esperança, coragem, entusiasmo, equilíbrio, responsabilidade, tolerância, bom humor...

 Tire a preocupação também, e deixa de lado. Depois você pensa o que fazer com ela...

Bem, sua bagagem está pronta para ser arrumada de novo! Mas pense bem no que você vai colocar de volta na mala!

 Agora é com você...

 E não se esqueça de fazer isso mais vezes, pois o caminho da vida é muito, muito longo.

Ana Maria Bonadia

;;